carregando

Digite para pesquisar

Saiba mais como prevenir o famoso Bico de Papagaio

A Osteofitose ou bico de papagaio, como é popularmente conhecida, se caracteriza pelo crescimento anormal do tecido ósseo em torno de uma articulação de vértebras.

A Osteofitose ou bico de papagaio, como é popularmente conhecida, se caracteriza pelo crescimento anormal do tecido ósseo em torno de uma articulação de vértebras. Com o desgaste das articulações da coluna, surgem alguns pequenos “espaços” que causam um desalinhamento.

No intuito de realinhar, o corpo forma ossos para tentar segurar a coluna na posição correta. Em um exame de raio- x é possível notar claramente a alteração que aparenta um formato de bico, por isso o nome bico de papagaio. A doença acomete principalmente pessoas acima dos 50 anos e como não tem cura, é preciso um esforço diário para evitar o surgimento.

Quais os principais sintomas?

Os principais sintomas da doença bico de papagaio são: dores nas costas, formigamento e em casos mais graves, limitação ou dificuldade dos movimentos.

Quais as principais causas?

Dentre as principais causas da Osteofitose estão: má postura, obesidade, sedentarismo.

Como posso prevenir?

O bico de papagaio é um processo natural do organismo durante o envelhecimento. Todas as pessoas podem enfrentar o surgimento dessa alteração na coluna. A grande diferença é que há o assintomático (aquele que não apresenta nenhum tipo de sintomas como dor ou formigamento) e o sintomático (que apresenta os sintomas citados). Algumas práticas são essenciais para a prevenção dessa doença. Dentre elas estão:

  • Cuidado com a postura

No trabalho, no jantar em família, no piquenique, em todo lugar é necessário observar como está posicionando sua coluna, afinal, ela é um dos principais suportes do corpo. Às vezes, mesmo sem perceber, você se senta em uma posição ruim e só percebe o quanto estava com a postura incorreta quando alguém o adverte ou quando sente fortes dores no pescoço ou nas costas.

Talvez durante a leitura desse texto você esteja com a postura inadequada. É necessário cuidado com a forma que você se posiciona em seu ambiente de trabalho, altura da cadeira, se os pés estão posicionados no chão ou se há necessidade do uso de um apoio. No dia a dia, quando precisar pegar algo pesado, é necessário agachar para distribuir o peso e não somente inclinar-se, jogando todo o esforço para a coluna. São detalhes pequenos que, se repetidos sempre, auxiliam na prevenção da doença.

  • Cuidado com a alimentação

O sobrepeso pode causar sobrecarga na coluna. Portanto, cuidar da alimentação evita doenças como a obesidade – fator fundamental na prevenção da doença bico de papagaio. Diminuir a ingestão de frituras, condimentados, fast foods e aumentar o consumo de frutas e legumes, além de auxiliar no controle de peso, exercem grandes benefícios para a saúde.

  • Prática de exercícios físicos

Os exercícios mais recomendados para aqueles que desejam se prevenir da doença bico de papagaio são aqueles de baixo impacto como Alongamento, Natação, Hidroginástica. É importante salientar a necessidade do acompanhamento de profissionais da área para que todos os exercícios sejam executados de forma correta. A prática de exercícios físicos sem a supervisão de um profissional competente pode acarretar no surgimento precoce da doença ou, até mesmo, ocasionar outras complicações.

O Santa Mônica Clube de Campo oferece aos seus associados diversas modalidades de exercícios, dentre elas, Natação e Hidroginástica – práticas importantes para a prevenção de doenças da coluna. Além disso, o Clube dispõe de uma programação com inúmeras atividades sociais, culturais e esportivas. Clique aqui e saiba mais.

Atividades Físicas Dicas Saúde