carregando

Digite para pesquisar

Quais os riscos da vida sedentária?

Uma vida sedentária traz muitos riscos para a saúde e afeta significativamente a qualidade da rotina diária.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde – OMS, o sedentarismo atinge atualmente 25% dos adultos e 80% dos jovens. É um problema de saúde sério e que precisa ser tratado com toda atenção.

Normalmente, o sedentarismo está relacionado à ausência ou diminuição de práticas de atividade física. Especialistas em saúde o consideram como a doença do século, crescendo ano a ano nas estatísticas nacionais e mundiais. Mas é bom lembrar que essa característica não é a mesma coisa que obesidade, na verdade, essa condição é uma de suas consequências.

Causas e riscos do sedentarismo

Apesar de quase sempre ser associado com a falta de atividades físicas, há outros fatores que também podem ser apontados como causas, por exemplo, as dietas pouco balanceadas e a própria falta de conhecimento sobre o assunto que leva a pessoa a ter uma rotina errada para a saúde.

Um ponto importante a ser esclarecido é que, quando se fala em atividades físicas, não se trata apenas de práticas esportivas, mas também da falta de ações simples no dia a dia: não andar, ficar o dia todo sentado na frente do computador, não caminhar até o trabalho, comer deitado e etc.

Uma vida sedentária traz muitos riscos para a saúde da pessoa e afeta significativamente a qualidade de sua rotina diária. Entre as principais doenças que podem surgir estão o infarto, pressão alta, colesterol alto, obesidade, diabetes, osteoporose e doenças cardiovasculares.

Sedentarismo infantil

Nos últimos anos, as crianças estão sendo cada vez mais motivos de preocupação. O sedentarismo nessa fase da vida pode se prolongar por anos e afetar todo o resto de suas vidas. Alguns estudos apontam algumas das principais causas desse problema na primeira fase da vida, dentre eles:

  • A tecnologia e seus avanços que são usadas de forma ilimitada fazendo com que a criança deixe de lado suas atividades cotidianas.
  • O mau exemplo do pais que não fazem nenhum tipo de atividade física e nem as incentiva.
  • Falta de educação sobre a importância de praticar exercícios e se alimentar bem.

Dicas de como prevenir o sedentarismo infantil

Quem é adulto sabe o que deve fazer para cuidar de sua saúde, mas e quanto às crianças? Há algumas práticas que podem ser de grande ajuda. Acompanhe!

  • Não forçar a criança a fazer alguma atividade. Deve-se mostrar o quanto são divertidas e encontrar uma que ela goste.
  • Os pais precisam ser o principal exemplo. Quando a criança cresce em um ambiente que preza pela qualidade de vida é muito mais fácil ela seguir pelo mesmo caminho.
  • Levar as crianças para praticar e conhecer outras atividades, fazer passeios e ter novas experiências são ótimas maneiras de fazê-las ter interesse em se movimentar e brincar com mais frequência fora de casa.

Portanto, tendo em vista os riscos que o sedentarismo pode causar em todas as fases da vida, sempre que possível você não apenas deve praticar, mas também incentivar seus filhos a fazer atividades físicas.

É bem verdade que quando não estamos acostumados ficamos com preguiça, mas lembre-se que a prática de alguma atividade é fundamental para ter saúde, disposição e qualidade de vida.

Nem é preciso ter muito tempo disponível: uma caminhada, uma volta de bicicleta no parque com seu filho, ir a pé para o trabalho entre tantas outras coisas simples, fazem toda a diferença tanto para quem é adulto, quanto para quem é criança.

Agora que você conheceu um pouco mais sobre os riscos e a importância de ter uma atividade física, que tal começar a praticar no Santa Mônica Clube de Campo? No Clube você encontra um amplo espaço, estrutura de ponta e uma grande variedade de atividades e esportes com orientação profissional. Clique aqui e saiba mais.

Atividades Físicas Brincadeiras Crianças Saúde