carregando

Digite para pesquisar

Comitê Brasileiro de Clubes

A Valorização do Esporte

Parceria com o Comitê Brasileiro de Clubes traz resultados e fomenta o esporte Moniquense

O esporte sempre foi e será importante em muitos sentidos. Muda a vida de muitas pessoas de forma muito peculiar. O Santa Mônica Clube de Campo reúne há mais de 50 anos diversas modalidades esportivas que possibilitam aos atletas, além do bem-estar da prática do esporte, a chance de competir, conquistar títulos e se destacar em competições estaduais, nacionais e internacionais.

Com o projeto de Formação de Atletas, implantado em 2015 em parceria com Comitê Brasileiro de Clubes – CBC, que atua no segmento clubístico há mais de 20 anos, o Santa Mônica apresenta hoje Equipes bem estruturadas de diferentes esportes olímpicos – Voleibol, Judô, Natação, Badminton, Ginástica Rítmica – e atletas de destaque individual que já conquistaram títulos importantes em todos os âmbitos.

Segundo o Presidente do Santa Mônica Clube de Campo Gilberto Foltran, é relevante destacar o apoio proporcionado pelo CBC que favorece aos seus conveniados a possibilidade de aperfeiçoar o esporte olímpico dentro de seus clubes. “O Projeto de Formação de Atletas participa diretamente no desenvolvimento de crianças e jovens que iniciam em algum esporte com o sonho de chegar às Seleções Brasileiras nas Olimpíadas. Por meio da parceria foi possível aumentar o número de crianças atendidas, desenvolvendo melhor as atividades e a quantidade de associados nas escolinhas de base. O intuito principal é fornecer mais atletas para as categorias principais e seleções e promover a inclusão social de jovens talentos esportivos que terão toda a infraestrutura para seu desenvolvimento. Alguns fatores são primordiais para que isso aconteça e o Santa Mônica os oferece aos participantes do Projeto, desde o espaço físico apropriado para a prática da modalidade, equipamentos esportivos de qualidade, material esportivo que possa proporcionar o melhor aproveitamento técnico e os recursos humanos, tais como: técnicos desportivos, preparadores físicos e técnicos administrativos”, completa Foltran.

Por meio dessa parceria já foram custeadas viagens para as competições dentro e fora do Estado, aquisição de materiais específicos para cada modalidade, além de uniformes e hospedagens. Atualmente, o Clube está sendo contemplado pelo Edital nº 6 do Comitê Brasileiro que repassa recursos previstos na Nova Lei Pelé. A verba é destinada ao Recursos Humanos para pagamento de salários de 24 profissionais participantes do Projeto, distribuídos entre as modalidades até 2020. Entre eles estão técnicos, auxiliares, preparadores físicos e fisioterapeutas.

Desde janeiro 2018 até hoje, o CBC arca com as despesas de passagens e hospedagens para atletas e Comissão Técnica participantes de Campeonatos Brasileiros Interclubes (CBIs) das modalidades Natação, Voleibol e Judô. “Os anos de parceria fizeram a diferença na vida esportiva do Santa Mônica e, gradativamente, está ajudando a transformar o cotidiano do Clube, das modalidades, consolidando profissionais, aperfeiçoando atletas. Temos orgulho de contribuir com a sociedade, incentivar a saúde, o esporte entre crianças e jovens, e continuar alimentando o sonho desses talentos. Que sejamos o celeiro de futuros campeões!”, conclui Foltran.
Nos arquivos abaixo você poderá conhecer um pouco mais de cada modalidade participante do Projeto de Formação, a opinião da Comissão Técnica e de alguns de seus atletas.

 

Modalidades – 2020

 

Modalidades – 2019

 

Modalidades – 2018

 

Modalidades – 2017

 

Modalidades – 2016

 

Links de Referência

http://www.abcd.gov.br/lista-substancias-metodos-proibidos

 

A política de formação de atletas do CBC é pensada estrategicamente para fomentar de forma democrática e transparente a revelação de talentos esportivos nos clubes.

Desta forma a CBC teve a ideia de pedir para que clubes conveniados ao CBC apresentassem um atleta para que seja seu porta-voz quanto aos assuntos relativos ao projeto que tenha recebido o fomento dos recursos financeiros do CBC nos assuntos da Comunicação neste Ciclo Olímpico e Paralímpico.

São atletas que já têm uma história com o clube com perspectivas de continuidade em sua formação como atleta neste Ciclo Olímpico/Paralímpico. O projeto visa acompanhar, em específico, sua trajetória. Cada um destes atletas personificará a essência da política de formação de atletas (seja olímpicos ou paralímpicos) até os próximos Jogos. Como uma verdadeira cápsula do tempo.

A CBC acompanhará o trabalho de cada um para concretizar a cada dia seu trabalho, de dar asas para formação de atletas.