carregando

Digite para pesquisar

Deu cãibra? Saiba o que fazer quando ela aparecer

A cãibra é uma contração muscular dolorida e muito comum na vida das pessoas. Ela acontece de forma involuntária e, geralmente, atinge a panturrilha, o que chamamos também de batata da perna. Entretanto, algumas pessoas também já sentiram esse desconforto nos pés, mãos e coxas.

Mas, por que será que a cãibra atinge tantas pessoas e surge assim, tão de repente? No artigo de hoje você vai saber mais sobre essa reação do corpo humano, o que fazer para diminuir o seu surgimento e como reagir na hora em que ela aparecer.

Por que as cãibras aparecem?

Existem alguns motivos que podem fazer com que as cãibras apareçam. Um deles é a deficiência de vitaminas e sais minerais, especialmente o cálcio, potássio e magnésio. Quem faz uso de medicamentos diuréticos pode sofrer constantemente com cãibras já que os sais minerais são eliminados pela urina.

A desidratação também é um fator que desencadeia a cãibra uma vez que a água ajuda na contração e relaxamento do corpo. Quem sofre de má circulação sanguínea também pode ter momentos dolorosos.

Quando usamos os nossos músculos de forma intensa, as cãibras também costumam aparecer. É por isso que esses espasmos são bastante comuns logo após a prática da atividade física ou, até mesmo, durante o exercício, quando ele é realizado intensamente ou da maneira incorreta.

Durante o tempo frio, as cãibras são mais comuns. É que em baixas temperaturas, os músculos ficam mais contraídos, facilitando os espasmos. Já na gravidez, ela aparece devido ao repuxamento dos músculos do abdômen e do útero, que aumenta bastante. Muitas mulheres reclamam de cãibra na barriga. Essa é a razão.

Por fim, temos como causadoras de cãibras as doenças a seguir: diabetes, artrose, anemia, insuficiência renal, problemas na tireóide entre outras.

Quem está mais propenso a ter cãibras?

Quem mais sofre com a incidência de cãibras são os diabéticos, anêmicos, quem tem problemas nos rins ou na tireóide, gestantes e, também, quem possui alguma degeneração neurológica ou desequilíbrio hormonal. É fundamental o acompanhamento médico nesses casos.

Como evitar as cãibras?

A cãibra não tem cura, mas os sintomas podem ser reduzidos mediante alguns cuidados. O primeiro deles é manter-se hidratado, bebendo bastante água ao longo do dia. A água vai relaxar os seus músculos minimizando a contração.

Fazer alongamento antes e depois de qualquer atividade física também é essencial, especialmente aquelas que são mais intensas e exigentes. Se a cãibra costuma aparecer durante a madrugada, experimente alongar o corpo antes de dormir.

Manter uma alimentação saudável, balanceada, rica em nutrientes necessários ao bom funcionamento do corpo é fundamental, não só para evitar as cãibras, mas também outras doenças. Inclua mais frutas, verduras e legumes nas suas refeições.

Uma dica é aumentar o consumo da banana. Ela é rica em potássio, um nutriente que, estando em falta, estimula muito o surgimento da cãibra. Além disso, é uma fruta perfeita para dar energia antes de uma atividade física.

E quando a cãibra aparece, o que fazer?

As cãibras duram pouco tempo, chegam de repente e logo vão embora. Mesmo assim, é um período bastante doloroso que pode ser amenizado com massagens em movimentos circulares na área onde ela surgiu.

Se ela começar na perna, a dica é ficar de pé, deixando o peso do corpo sobre o membro afetado. Caso não consiga levantar, sente-se, estique a perna e puxe os pés para trás, com as mãos. São maneiras de relaxar os músculos do local.

Ainda pensando no relaxamento muscular, é possível aplicar uma bolsa ou compressa de água quente na região onde a cãibra apareceu. Certamente, você sentirá um alívio da dor e da contração.

Quando procurar ajuda médica?

Se você sofre com cãibra uma vez ou outra, as dicas aqui listadas podem ajudar, mas em alguns casos, é preciso visitar um médico.

Cãibras que duram mais de 10 minutos e aparecem mais de uma vez ao dia precisam ter as causas investigadas por um especialista. Só assim é possível identificar a raiz do problema e fazer o tratamento adequado.

Manter o corpo em movimento é fundamental para garantir uma vida com mais saúde, energia e vitalidade. No Santa Mônica Clube de Campo, você encontra diversas modalidades de atividades físicas como natação, futebol, vôlei, artes marciais e muito mais. Clique aqui e confira.

Alongamento Atividades Físicas Natação Saúde