carregando

Digite para pesquisar

Cuidados para evitar lesões no quadril

É importante cuidar de seu corpo para ter um futuro mais saudável.

Não é difícil encontrar pessoas que já tenham sofrido com lesões no quadril, que podem ocorrer por diversos motivos – desde o sedentarismo até a prática excessiva e irregular de exercícios. As dores iniciam com pequenos desconfortos. Na verdade, podem ser o indício de problemas graves. Você sabe quais patologias acometem o quadril e os cuidados que devem ser tomados para evitar essas lesões?

  • Tendinite

Muito comum, principalmente entre as mulheres. Sua causa é a inflamação dos tendões localizados ao redor do quadril. Em casos mais graves, pode causar o rompimento do tendão.

  • Bursite

As bursas são “bolsinhas” de líquido que diminuem o impacto entre os ossos, tendões e músculos. A bursite ocorre quando uma ou mais dessas bolsas se inflamam.

  • Disfunção sacroilíaca

Ocorre devido a alterações ou falta de alinhamento biomecânico. É caracterizada por uma forte dor em torno ou na articulação, podendo se manifestar na região lombar e ir irradiando para a virilha e lateral do quadril.

  • Osteoartrose

Doença degenerativa e crônica, causa desgaste na cartilagem do quadril. Com o passar do tempo, a cartilagem tem sua espessura diminuída, até que ocorra o atrito entre os ossos.

Como evitar as lesões?

Seja você um praticante de exercícios físicos ou não, existem meios muito eficazes para evitar as lesões e os graves problemas no quadril. Afinal, é importante cuidar de seu corpo para ter um futuro mais saudável, certo? São diversos os cuidados que devem ser tomados e, além disso, existem práticas como a Hidroginástica e o Pilates que não só previnem as lesões, como também auxiliam na recuperação.

1 – Respeite seus limites

Se você está praticando atividades físicas, não esqueça de respeitar os limites do seu corpo. É importante ter períodos de descanso e recuperação para não prejudicar sua saúde.

2 – Tenha planejamento

Planeje seus treinos. Esforçar um corpo que não está preparado nunca é uma boa opção. Não esqueça de se alongar e fortalecer sua musculatura.

3 – Levante

Por outro lado, se você não é uma pessoa muito ativa e passa a maior parte do seu dia sentado, cuidado. O sedentarismo pode prejudicar tanto as articulações quanto a prática incorreta de exercícios. Se o seu trabalho exige que fique muito tempo sentado, levante por apenas alguns minutos para descansar a região.

4 – Pilates

Quando seu quadril já está danificado, o Pilates pode ajudar. Os exercícios da prática atuam de forma direta na musculatura, fortalecendo e, consequentemente, colaborando com a melhora do quadro.

Além disso, auxilia no controle muscular, potência, força, resistência e estabiliza a coluna, melhorando a postura e evitando futuras lesões. Assim, não apenas auxilia na recuperação, mas traz benefícios a longo prazo.

5 – Hidroginástica

Atividades na água são as mais indicadas pelos profissionais de saúde e a Hidroginástica também é uma ótima opção para quem precisa se recuperar de lesões e quer se prevenir contra futuros malefícios.

Existem diversos exercícios que focam na recuperação muscular, lembrando que as práticas dentro da piscina são quase livres de impacto, tornando as articulações mais fortes, ao passo que a musculatura também relaxa.

Onde praticar?

Não se esqueça que é preciso encontrar um local de confiança para praticar esses exercícios. O Santa Mônica Clube de Campo oferece Pilates, Hidroginástica e muitas outras práticas que podem auxiliar no tratamento e prevenção de lesões no quadril. Clique aqui e saiba mais.

Alongamento Cuidados Saúde